CAA Vanguarda inaugura parlatório em presídio de Manga

 em CAAminhar

Reafirmando o compromisso com o seu maior patrimônio: a advocacia mineira, a CAA Vanguarda custeou a obra de construção do parlatório do presídio de Manga, no norte do estado. O parlatório, que tem mobiliário e computadores também fornecidos pela CAA/MG, vai garantir mais dignidade ao exercício da função da advocacia criminal local, e também aos recuperandos do presídio. A inauguração ocorreu na tarde dessa quinta-feira (22/03), e contou com a presença do presidente da Caixa de Assistência dos Advogados de Minas Gerais, Sérgio Murilo Braga, além de dirigentes da 192ª Subseção, como o presidente Walter Amaro e o delegado da Caixa em Manga, João Victor Tavares; autoridades e magistrados da cidade e região, como o prefeito local, Joaquim de Oliveira Sá Filho e Bárbara Lívio, juíza de Januária; o desembargador Oswaldo Oliveira Firmo; além do homenageado, que deu nome ao parlatório, o advogado Adalberto Pereira da Silva.

CAA Vanguarda inaugura parlatório em presídio de Manga

CAA Vanguarda inaugura parlatório em presídio de Manga

CAA Vanguarda inaugura parlatório em presídio de Manga

CAA Vanguarda inaugura parlatório em presídio de Manga

CAA Vanguarda inaugura parlatório em presídio de Manga

Walter Amaro, presidente da Subseção de Manga, agradeceu à Caixa de Assistência dos Advogados de Minas Gerais, ressaltando que a instituição nunca se negou a atender às solicitações da advocacia local. “Fica aqui registrado, Dr. Sérgio Murilo, nosso sincero agradecimento pelo empenho e pela dedicação. Não só pela doação da obra, mas por se deslocar de Belo Horizonte, nesses dias tão corridos, para vir nos prestigiar com sua presença e preocupação, acima de tudo, com o trabalho e com a forma de amenizar o sofrimento de nossos advogados”,  concluiu.

O presidente da CAA Vanguarda, Sérgio Murilo Braga, agradeceu o carinho de toda a advocacia de Manga e de cidades vizinhas. E ressaltou o compromisso da instituição com a melhoria das condições de trabalho de advogadas e advogados de todo o estado. O dirigente falou sobre o projeto Dignidade Prisional “que visa fornecer todo o aparelhamento necessário para dar mais dignidade a todos os atores da advocacia criminal, quando soubemos do pleito da 192ª Subseção, não medimos esforços para atender. E eu não poderia faltar a uma inauguração como esta, porque precisava parabenizar os colegas de Manga que estão fazendo o possível para melhorar as condições de trabalho da advocacia local”, ressaltou.

Em seu pronunciamento o prefeito de Manga, Joaquim de Oliveira Sá Filho, destacou: “Para mim é um dia feliz para nossa comarca, pela inauguração desse parlatório em  nossa cidade. Quero parabenizar todos os envolvidos e dizer da satisfação que a gente tem de ter tantas pessoas engajadas em fazer as coisas acontecerem em nosso município. Quero nesse momento apenas agradecer a todos que diretamente e indiretamente  contribuíram para mais esse benefício para Manga.”

O advogado Adalberto Pereira da Silva, que dá nome ao parlatório, agradeceu o carinho da homenagem, elogiou a estrutura que passa a ser oferecida a advogadas e advogados e cumprimentou os dirigentes da Subseção e da CAA Vanguarda, pela construção do parlatório. “Ele vem dar mais dignidade aos advogados e aos presos, me sinto profundamente envaidecido e agradecido”, finalizou.

“Só queria reiterar o agradecimento, Dr. Sérgio, e a atenção com que estamos sendo tratados pela diretoria da Caixa de Assistência. Todas as vezes que procuramos a instituição somos prontamente, e muito bem, atendidos”,destacou o delegado da CAA Vanguarda em Manga, João Victor Tavares.

 

Implantação SEEU em Manga

CAA Vanguarda inaugura parlatório em presídio de Manga

Na sequência, o presidente da CAA Vanguarda foi convidado para compôr mesa de honra na concorrida cerimônia de finalização da implantação do SEEU – Sistema Eletrônico de Execução Unificado na comarca de Manga, realizada no Fórum.

A comarca de Manga é a 30ª a adotar o Sistema Eletrônico de Execução Unificado no estado mineiro. Além da comunidade e de autoridades locais, a solenidade contou com a participação do desembargador Osvaldo Oliveira Araújo Firmo, representando a direção do Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG), e do juiz auxiliar da Presidência, Thiago Colnago Cabral.

O Desembargador Oliveira Firmo frisou que o SEEU é um instrumento de aperfeiçoamento da justiça criminal. Ele avalia que a expansão do sistema pelo estado vai permitir maior integração não só com uma série de órgãos parceiros do Poder Judiciário, mas também entre as comarcas, em vista da comunicação instantânea e da disponibilidade imediata de dados atualizados sobre uma determinada pessoa.

O juiz auxiliar Thiago Colnago Cabral, que apresentou o sistema para os novos usuários, destacou a usabilidade da ferramenta, sua eficiência e a praticidade que ela confere aos atos, já que elimina tarefas e rotinas que geravam perda de tempo para magistrados, assessores e servidores. Outras vantagens citadas foram a proteção à dignidade do preso, a pacificação dos conflitos em unidades carcerárias, a liberação de espaço nas secretarias com o fim dos processos físicos, a transparência, a acessibilidade de forma remota e simultânea por diferentes instituições, a sustentabilidade.

 

Postagens Recomendadas

Comece a digitar e pressione Enter para pesquisar

Maratona InternacionalCAAminhar BH 2018